O amor nos tempos de #likes

Livro O amor nos tempos de #likes

Nossa geração é aquela que já nasceu conectada e que leva uma vida mais virtual do que real. Só que isso parece ser contagioso. Em pleno século XXI, existe alguém que não tenha perfil em uma das inúmeras redes sociais ou que não tenha trocado os longos telefonemas com os amigos pela praticidade das mensagens instantâneas? Ainda existem aqueles que resistem, mas precisamos admitir que são uma espécie em extinção.

O calor humano foi substituído pelas telas, influenciando diretamente na forma como nos relacionamos com o próximo. O que nos leva a imaginar como se dava a convivência antes dos testamentos no Orkut ou das fotografias postadas no Instagram. Como seria o envolvimento de Romeu e Julieta nos tempos atuais? Será que teriam tantos empecilhos assim? O que afastaria Lizzy do Sr. Darcy (além do gênio de ambos)? Como seriam retratados Bentinho e Capitu? É exatamente o que vamos descobrir em O amor nos tempos de #likes.

Composto por três contos, a obra traz releituras escritas pelos booktubers Pam Golçalves (Orgulho e Preconceito), Bel Rodrigues (Dom Casmurro) e Pedro Pereira e Hugo Francioni (Romeu e Julieta).

Abaixo iremos esmiuçar brevemente sobre o que se trata cada história.

Em Próximo Destino: Amor, escrito por Pam, conhecemos Liziane, que é uma youtuber que já colhe os frutos do seu trabalho. Ela estava a caminho de casa, mas acaba presa no aeroporto por conta de uma tempestade. Como não há o que fazer, ela tenta ser produtiva. É dia dos namorados, e seu próximo vídeo tem como tema o amor; acontece que nesse quesito ela não tem quase nada a falar. Se a tarefa em si não ajuda, as pessoas ao redor também não. William igualmente está retornando para casa, e a demora no aeroporto o deixa agoniado. Sua irmã está internada no hospital, e nada o deixa mais feliz do que ver o sorriso dela. Liz e Will têm um primeiro contato nada amigável, mas tudo pode mudar quando eles embarcam juntos rumo a Florianópolis.

O ódio e o amor caminham juntos. Muitas vezes eles são usados como disfarce. Pessoas que nos amam fingem odiar por medo de amar. É muito mais fácil odiar do que mar. No ódio, você se fechar. No amor, se abre e fica vulnerável.

Durante a leitura foi impossível não me perguntar o quanto da Pam existe na Liz. Ete não foi um enredo muito original, porém foi o conto de que mais gostei, me deixando com vontade de saber como a autora se saiu em seu livro solo.

Em (Re)Começos, escrito por Bel, nos é apresentada a Madu, uma garota cheia de atitude, mas que se prendeu por tempo demais ao namoro com Roberto. Ela tentou viver um conto de fadas, e em alguns momentos até acreditou nele, mas na verdade não passava de um relacionamento abusivo. Precisando de um tempo para si, para se reconectar consigo, Madu decide comemorar o seu aniversário sozinha em Búzios, no Rio de Janeiro. Em uma de suas andanças pela cidade, ela descobre um pub com uma proposta muito diferente: um encontro às escuras. As pessoas que topam entrar são guiadas até uma mesa onde irão conversar com outrem, mas sem que suas identidades sejam reveladas. O local é todo escuro para preservar o mistério do seu par, que só acaba se a dupla concordar em se encontrar do lado de fora. Eduardo tem um motivo extra para topar um encontro nessas condições, já que sua fisionomia às vezes atrai o tipo errado de pessoa. Mas o resultado desse encontro pode surpreender a ambos.

Essa foi a narrativa que mais me envolveu. Gostei da pegada mais juvenil e, como não teve nenhuma mudança drástica na vida dos personagens, ficou bem crível. Senti que ele foi o mais completo, pois não precisei ficar especulando o que aconteceu depois, já que autora nos presenteou com um início, meio e fim.

Livro O amor nos tempos de #likes

Por fim, em 337 KM, escrito por Pedrugo, observamos Julio, que é um aspirante a escritor, que compartilha suas histórias em um grupo no facebook de textos autorais. Ramon é um leitor ávido que se encanta com o texto de Julio. Apesar de tímido, ele cria coragem para adicionar o rapaz, e eles começam a trocar várias mensagens. Claro que eles descobrem que têm muito em comum, mas moram em lugares tão distantes (as vantagens e desvantagens da internet, né?)... como fazer esse relacionamento dar certo?

Esse foi o texto que me despertou mais curiosidade. Quem diria que um dia eu toparia com uma releitura de Romeu e Julieta protagonizado por um casal homossexual, que tinha de tudo para ser perfeito, mas que acabou sendo mediano? Mesmo que o argumento seja bom, senti que faltou química entre os personagens. Entretanto, não posso deixar de dizer que a alternativa deles para a fatídica e icônica cena do romance foi ótima.

Em suma, O amor nos tempos de #likes é fofo por fora e por dentro. A diagramação é confortável para a nossa vista, mas não possui nada demais. Há muitos balõezinhos de mensagens dando um charme extra - e não poderia ser diferente, levando em conta a temática do volume - e a abertura de cada conto possui ilustrações. Iniciei essa leitura sem muita expectativa, mas me surpreendi com o que encontrei. É um livro rápido, agradável para passar o tempo e ótimo para nos resgatar daquela ressaca literária.

Livro O amor nos tempos de #likes

O Amor nos Tempos de #Likes - Pam Gonçalves, Bel Rodrigues e Pedrugo (Hugo Francioni e Pedro Pereira)
Galera Record
272 páginas
Livro cedido pela editora
Onde comprar:  Submarino | Saraiva | Americanas
Andressa Leal
Andressa, Dressa, Dreeh. Carioca e Tricolor. Na casa dos vinte. Futura noiva. Viciada em The Sims, fotografia e livros. Acredita que ter um blog é a melhor forma de juntar sua profissão com suas paixões.

9 comentários

  1. ooi!
    desde do seu lançamento que eu to doida pra ler esse livro, não só por se tratar de releituras de clássicos mas porque foram escritos por youtubers maravilhosos!
    Squad Of Readers

    ResponderExcluir
  2. Achei a ideia do livro bem original!
    Fiquei bem curiosa em conhecer esses contos e mais ainda por ser uma releitura de clássicos.

    ResponderExcluir
  3. O que mais chamou minha atenção foi essa capa. É muito fofa!
    Adorei a proposta do livro. O fato dos contos se interligarem é bem bacana.
    Acompanho a Pam faz um tempinho e isso me motivou bastante a querer ler esse livro.
    Parece ser uma leitura bem leve e divertida. Ideal pra curar uma ressaca literária. Beijos

    ResponderExcluir
  4. Andressa!
    Tenho esse livro aqui para leitura e espero empreendê-la em breve, primeiro porque são contos de autoras nacionais e depois porque o tema é bem contemporâneo mesmo. Quem não está conectado e antenado, está na era medieval, não se comunica de forma ágil.
    Adorei a resenha.
    Rudynalva Correia Soares
    rudynalva@yahoo.com.br
    Participo e mais tarde sairá divulgação no blog.
    “O verdadeiro sentido do Natal não está nos presentes e nem no papai noel, mas sim no nascimento de Jesus Cristo, que veio ao mundo para nos libertar do pecado e ser o nosso único salvador!” (Andréia Godoi)
    Boas Festas!
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de DEZEMBRO ESPECIAL livros + BRINDES e 4 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  5. Pelos comentários da para notar que não sou a única que quer ler esse livro desde do lançamento. Principalmente porque os contos que retratam exatamente muitos relacionamentos que acontece em pleno século XXI, onde as redes sociais estão em pleno vapor.

    ResponderExcluir
  6. Oi, esse livro tá com uma capa realmente fofa e todos os contos parecem ser muito interessantes e como são contos devem ser descomplicados e como vocês disseram no final indicados pra sair da ressaca literária. (Re)Começos foi o conto que me deixou mais curiosa, a proposta de um encontro as escuras é bem legal e gostaria de ver o resultado dessa interação. ;)

    ResponderExcluir
  7. Oi Andressa, tudo bem?
    Eu olhava esse livro com sempre tendo em mente o pensamento de que eu queria ler, mas a sua resenha me fez querer ler tipo já! Acho que vou pedir de amigo secreto (rsrs).
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Quero muito ler esse livro, achei muito interessante a ideia dele e todos os três contos, que logo me chamou atenção atenção, mas lendo a resenha o que me deixou mais envolvida e curiosa foi o da Bel Rodrigues quero muito ler esse conto e descobrir mais sobre os personagens !!

    ResponderExcluir
  9. Esse é um tema bem interessante de se escrever, uma releitura moderna de histórias tão conhecidas. Eu gosto muito de releituras e essa, apesar de não focar só em uma história, parece ser ótima. O que mais chamou minha atenção é que cada uma das histórias despertou algo em você, ou seja, uma a deixou mais curiosa, outra você gostou mais e na outra você se envolveu mais. Sentimentos diferentes que no final refletem o quanto você gostou do mesmo.

    Beijos

    ResponderExcluir

Que prazer em ter você aqui! Entre e sinta-se à vontade.
Se gostou do post (ou não), deixe um comentário. Sua opinião é muito importante pra melhorar cada vez mais o blog. =)