{ novidades } Lançamentos de Agosto - Valentina




Pensei que Fosse Verdade
Huntley Fitzpatrick

Um passado a ser esquecido. Um presente nada promissor. Um futuro a ser conquistado.

“O PARAÍSO À BEIRA-MAR.”
“O SEGREDO MAIS BEM GUARDADO DA NOVA INGLATERRA.”
A ilha de Seashell, onde passei minha vida inteira, é tudo isso e muito mais. No entanto, a única coisa que eu quero é ir embora daqui.
Gwen Castle nunca quis tanto dizer adeus à sua ilha natal quanto agora: o verão em que o Maior Erro da Sua Vida, Cassidy Somers, aceita um emprego lá como faz-tudo. Ele é um garoto rico da cidade grande, e ela é filha de uma faxineira que trabalha para os veranistas da ilha. Gwen tem medo de que esse também venha a ser o seu destino, mas, justamente quando parece que ela nunca vai conseguir escapar do que aconteceu – ou da ilha –, o passado explode no presente, redefinindo os limites de sua vida. Emoções correm soltas e histórias secretas se desenrolam, enquanto Gwen passa um lindo e agitado verão lutando para conciliar o que pensou que fosse verdade – sobre o lugar onde vive, as pessoas que ama, e até ela mesma – com o que de fato é.





A Cor da Coragem
A Guerra de um menino: o diário de Julian Kulski na Segunda Guerra Mundial

“Afinal, o que fica para um homem, além da sua honra… e da coragem de viver por ela?”
Julian Kulski. Em 1º de setembro de 1939, a Alemanha invade a Polônia. É o início da Segunda Guerra Mundial. Em poucos dias, Varsóvia se rende aos alemães, soldados poloneses depõem suas armas, a cidade já é um amontoado de escombros. Julian Kulski é um menino polonês de apenas 10 anos de idade. Filho do vice-prefeito de Varsóvia, escoteiro ousado e entusiástico, ele tem a firme convicção de que deverá lutar contra o Invasor. “A cor da coragem” é o diário de Julian Kulski, a história de seu amadurecimento durante os cinco anos da brutal ocupação alemã. Diferentemente do diário de Anne Frank, narrado a partir da sua clausura no esconderijo de um prédio em Amsterdã, o de Julian Kulski se passa nas ruas de Varsóvia, no front, no combate cara a cara com o inimigo, no infame Gueto onde se encontram seres humanos famintos, desesperados e doentes à mercê de todo tipo de tortura, do enforcamento, do fuzilamento, da câmara de gás...
“Este diário, escrito com o coração e pela mão de um adolescente, nos proporciona uma visão única e comovente da Segunda Guerra Mundial”. Lech Walesa, Prêmio Nobel da Paz

Giulia Ladislau
26 anos. Filha do Rei. Carioca da gema. Aliança na mão esquerda. Pedagoga por formação, militar por profissão, revisora por paixão. Fascinada por livros desde quando nem se entendia por gente.

7 comentários

  1. Dos dois lançamentos da Editora Valentina,gostei somente do primeiro livro.
    Acho que a história da Gwen promete. ;)

    ResponderExcluir
  2. Desejo Insaciável foi o mais falado desses lançamentos em todos os blogs que vi, as capas a meu ver não estão nem um pouco atrativas, e das sinopses só mesmo a primeira, se a capa fosse diferente eu me animava mais (amo capas atrativas)

    ResponderExcluir
  3. Huntley Fitzpatrick é uma autora que quero conhecer ;)

    ResponderExcluir
  4. Olá Giulia,
    Quero muito conhecer a escrita da Huntley Fitzpatrick, já está na lista de futuras compras “Minha Vida Mora ao Lado”, mas vou adicionar também “Pensei que Fosse Verdade”.
    Sou apaixonada por livros com cenário da Segunda Guerra Mundial, são história tão intensas e tocantes, já estou prevento o sofrimento que terei ao ler “A Cor da Coragem”, com certeza será uma leitura bem emocionante.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Gostei bastante dos lançamentos, mas acho que o mais aguardado é Pensei que fosse verdade, até mesmo pela estratégia de marketing da leitura coletiva

    ResponderExcluir
  6. Ótimos lançamentos :) Me interessei mais por "A Cor da Coragem", sou apaixonada por história e esse livro me chamou bastante a atenção, amo conhecer o passado do mundo por vários pontos de vista. Já li o livro da Anne e gostei bastante. Assim que tiver a oportunidade, lerei esse lançamento também.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Infelizmente nenhum dos dois livros me interessou, mas achei os temas diferente e legal !!

    ResponderExcluir

Que prazer em ter você aqui! Entre e sinta-se à vontade.
Se gostou do post (ou não), deixe um comentário. Sua opinião é muito importante pra melhorar cada vez mais o blog. =)