{ particularidades } Mamaço Virtual

Hoje é dia de coluna nova!!!

Quando voltei com o blog, pensei em novidades pra postar por aqui e decidi escrever, pelo menos 1 vez por mês, a Particularidades. Coisas sobre mim, coisas sobre o mundo, coisas sobre livros... ou não. Ia deixar pra começar em junho, mas não podia deixar de aproveitar esse movimento lindo. Não, não é sobre livros. É sobre vida, sobre amor, sobre respeito.

Inaugurando a coluna... Mamaço Virtual!

 



Todo mundo sabe que o facebook tem aquelas regrinhas de uso, né? Acontece que alguns ignorantes  (aqui no Brasil mesmo) se aproveitaram delas e decidiram denunciar fotos de mulheres amamentando seus bebês. E o pior: a equipe do tio Zuckerberg acatou e removeu as fotos porque foram consideradas obscenas. Para tudo!!!!!
A panicat desfilando na Sapucaí cheia de glitter, plumas e paetês com as tetas de fora é cultura. As mulheres protestando a favor do próprio corpo, contra o estupro e outras coisas mais, na tal Marcha das Vadias, é manifesto. A atriz atuando na novela das 11 em uma cena de sexo é arte. E a mãe querendo amamentar seu filho em local público é vulgaridade? Oi???

Família também participa. Minha prima Lívia com meu priminho João Vítor. Foto da foto! rs! Eu vi esse menino bebê e hoje já tá um rapaz, com 9 anos e muita beleza. E ela conseguiu ficar ainda mais linda. ♥

Não sou mãe. Nunca passei pela situação de querer amamentar no meio do shopping e ter gente passando de cara feia só porque a mulher sentou no banco do meio do corredor ou na praça de alimentação e - que absurdo! - nem colocou um paninho no rosto da criança. Mas nem por isso deixo de ter minha opinião. Então vamos por tópicos, porque é muita coisa pra falar.

O Theo mama com vontade desde que nasceu. E a mamãe Flávia faz questão de amamentar, assim como fez com as duas primeiras filhas. Neném que mama é neném saudável. E, nesse caso, lindo e gostoso da tia.

* A esmagadora maioria das mulheres (não vou dizer todas porque tem sempre uma doida por aí) não tem intenções lascivas quando puxa o seio do sutiã em público com a criança no colo doida pra mamar. A mulher tá ali única e exclusivamente pensando no filho dela, na necessidade do bebê. E acho muito legal a criança ter seu restaurante particular aberto 24 horas por dia e ainda por cima o acompanhando pra cima e pra baixo.

A Luisa mama que é uma beleza! E não poderia deixar a mamãe mais feliz. Com 1 mês, nossa pequena já não está tão pequena assim, cresceu a beça e está muito esperta! E a Joyce já voltou pro peso de antes de engravidar! Benefício duplo!

* Certas coisas mudam de significado de acordo com a situação. A cor vermelha pode representar perigo, pode estimular o apetite, pode significar amor. Assim é o peito. Sabe aquilo que toda mulher tem na parte superior do tórax? Pois bem, só terá conotação sexual quando houver a intenção - dela, do homem, da situação. Mas não consigo enxergar sensualidade, segundas intenções ou, muito menos, vulgaridade na cena se a mulher está com o peito sendo sugado por uma criança. Então, caro indivíduo do sexo masculino com os hormônios à flor da pele, respeito o momento e não olhe com maldade pra mãe que está amamentando em local público.

Família completa, feliz e abençoada. A Débora e o Bruno tiveram o Estêvão, que já tá essa gostosura da 3ª foto (essa mãozinha no peito da mãe = ♥). Dá pra ver a felicidade estampada em cada rosto!

* Ah, mas ela podia pelo menos colocar um paninho no rosto do bebê, né? Protege o bebê e não expõe o seio. Como diz Rita Lee, Deus me imunize do seu veneno. As mulheres têm é que se proteger de comentários ridículos como esse. Desde quando alguém tem que se esconder pra comer? E por que ela teria vergonha de se expor se não está fazendo nada demais, ou melhor, se está doando amor, atenção, carinho, dedicação e muito mais através do seu leite? Não quer ver, bota um paninho na sua cara! E sai com esse mimimi de perto de mim!

Nessa foto o Guilherme tinha só 15 dias. Hoje ele está lindo, saudável e grandão com 9 meses. Orgulho da mamãe Vanessa. "Feio é você que pensa que amamentar é feio!"

* Criatura cheia de pudores pagando de santa, tu acha mesmo que sua mãe nunca passou por isso com você? (Ok, a minha não, eu não quis mamar de jeito nenhum, mas tenho certeza de que ela tentou, e várias vezes.) Isso é normal, natural, feito há milhares de anos, recomendado pelos órgaos de saúde e pelos médicos. Leite materno é o melhor alimento pro bebê - e deveria ser o único até os 6 meses. Deixa o neném mamar em paz!

Olha a Emilly quando nasceu e agora (8 meses). Acredita que ela não aceita papinha? Só quer o leite e o carinho da mamãe Priscilla. 8 meses de puro amor em forma líquida!

* E pra finalizar... Nossa! Essa criança tá meio velhinha pra ficar agarrada no peito da mãe, hein?! Velha é sua ideia, seu atrasado! Achei esse post bem interessante sobre aleitamento, vale a pena conferir. "Segundo uma estimativa do UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância), 'se todos os bebês fossem exclusivamente amamentados durante os seis primeiros meses de vida e continuassem a mamar até os dois anos de idade, quase um milhão e 300 mil crianças poderiam ser salvas, todos os anos, e outros milhares de meninos e meninas cresceriam muito mais saudáveis em todo o mundo'."

A Letícia está com 2 anos e meio e mama até hoje. Olha pra essa foto e me diz: acha mesmo que a Danielle está preocupada com o que os outros vão pensar? Claro que não! Amamentar é amar! E isso elas sabem bem. ♥

Ditas essas coisas, voltemos ao mamaço virtual. Uma mulherada maravilhosa se juntou e está postando fotos lindíssimas de seus babies mamando. Nada de vergonhas, pelo contrário, todas elas estão conscientes e orgulhosas de terem o privilégio de amamentar. Procure a hashtag #mamaçovirtual no Facebook e veja a felicidade das mães, o sorriso contente dos bebês e muito amor transbordando em cada foto.

video
E a Manuela adorou mamar bastante! Agora
cresceu e está uma mocinha linda!
A Patrícia é uma grande defensora da amamentação
e do parto humanizado. Sabe o que é bom pra mãe e pro bebê.

Eu apoio a campanha!
Porque um dia será a minha vez. E meu filho vai mamar onde e quando ele quiser.

A Ariane fez questão de mandar a foto dela pra abrilhantar o post. Essa princesinha é a Clara, acabou de completar 1 mês e já está mostrando sua beleza na internet. Lindas!

PS: Mamães lindas e sem vergonha, quero colocar mais fotos nessa página. Se você puder, mande pra mim a foto do seu baby mamando lindamente pra eu compartilhar aqui. ;)
PS2: Recebi muitas fotos lindas no meu inbox. Vou colocar todas aqui, porque eu acho lindo, porque o motivo é lindo, porque as mães são lindas!!!

Pra ser mãe não precisa abdicar do estilo. Liriane que o diga! Olha que mulher linda, fashion e poderosa! E o Gabriel lá, tranquilão no colo de uma diva.

Olha a paz do Miguel mamando! Ele sabe que pode confiar na Elis, porque mãe é amor puro.

Menininha quando mama põe a mão no coração... da mãe! Anie Pietra nem desgruda os olhos da Vanessa.

1 é bom, 2 é melhor ainda! A Girlene é mesmo muito abençoada! Sua filha Lívia está com 5 meses; e agora o Lucas, sobrinho e afilhado, chegou pra completar a festa. Gamei nessa foto, gente!!!

A história da Erika com a princesa Eliza dá mesmo um filme, daqueles lindos, que nos arrancam lágrimas de felicidade. Lindas!

"Ei, você aí que olha pra minha mãe de cara feia! Sai dessa, mané! Aqui tá muito bom e eu não vou largar não!!!"
Esse ruivinho delícia é o Gustavo, filho da Juliana! 8 meses de muita fofura!

Deixei a Catiúcia por último, mas por um motivo especial. Sua história é emocionante, mas traz muitas lições. Não vou nem escrever a legenda, vou só copiar o que ela mesma disse. Lindona, parabéns pela superação. Que você sirva de inspiração pra muitas mulheres.

Minhas fotos são do Henry Ary, o peladinho... Meu primeiro filho, falecido com menos de 10 meses de vida e me deixou com os seios cheios de dor e de leite... E com o peito que sempre vai transbordar saudade... O segundo é Hiann que me trouxe um novo motivo pra acordar todos os dias... E que como o irmão é louco por um "mamá", como ele já pede com 1 ano e 2 meses...


*Todas as fotos foram devidamente autorizadas.

8 comentários

  1. Parabéns pelo post, Giulia. Esse assunto é sempre importante de abordar. Sou mãe de um menino de 19 meses e já sofri um bocado de pressão para não amamentá-lo - mas ele mama até hoje e muito bem. Adoro amamentar e faço isso em qualquer lugar. Beijo grande.

    ResponderExcluir
  2. É isso mesmo, amiga. Acho que a maldade está na cabeça de pessoas que conseguem criticar uma cena dessa. Uma cena que expressa puro amor, total entrega e ligação entre a mamãe e o bebê. A amamentação é a doação de vida, a maioria das pessoas não tem noção do quanto é importanto pra saúde e desenvolvimento do bebê, e o quanto ajuda na realação mãe x filho. Amei o post, e eu também super apoio, viu!!!

    Beijoss

    ResponderExcluir
  3. Acho o protesto mto interessante e me esforço para tentar entender pq as pessoas se incomodam taaanto com amamentação. Talvez o constrangimento q muitas pessoas sentem seja justamente por verem pouco dessa cena.
    Mas acho que deveria ser escolha da mulher amamentar com ou sem paninho, em lugar publico ou escondido. Sou contra militancias extremistas q acham q todas têm que viver a maternidade do mesmo jeito... o momento é dela e do bebê e deve ser feito do jeito que ficar mais confortável pra ambos. A questão é prevalecer a liberdade de escolha.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pelo post e se vc não mamou, não sabe o q perdeu... Hehehe... Eu mamei até quase 2 anos e minha mãe passou trabalho no desmame... E acho q eu tb vou passar meu Pitokinho Hiann tem 1 ano e 2 meses e é apaixonado pelo "mamá" e qdo me chama "mãããe" e eu pergunto "o q?", ouço a resposta que me desarma... "MAMÁ", e não importa onde eu esteja, na rua, no shopping, no mercado, na igreja (sim amamentei várias vezes durante a missa), ele sempre ganha um mamázinho bem gostoso... É um momento só nosso, não me importa quem estiver em volta... Saiam pra lá com seus falsos e ridículos pudores... Q Deus tenha Misericórdia dessas mentes imundas!!!

    ResponderExcluir
  5. Adorei! João mamou até 8 meses prq quis, tinha leite pra muito mais... Mas respeitei o seu momento, foi lindo.ll olhe, o início foi difícil, doeu, tive mastite, a dor era de me fazer chorar toda vez que ele queria mamar, mas né NENHUM momento eu pensei em desistir. Valeu a pena! Tudo passou... Hj tenho um menino saudável e feliz, e parte se deve a amamentação. Momento mágico, pura conexão! Faria tudo outra vez e desta vez com muito mais fotos Rsrsrs

    ResponderExcluir
  6. Gente, que post lindo e emocionante!
    Meu filho mamou mais de dois anos e meio... era tão engraçado, porque ele só dormia se fosse no peito. O médico até pediu pra tirar, mas cadê sossego, o filho pedindo à noite? Deixei o médico pra lá e, naturalmente, ele foi deixando... Hoje ele é um rapaz de 14 anos muito lindo, saudável, super companheiro... e quando as pessoas se surpreendem com a altura dele (1,93m) adoro dizer, brincando, que a vaca que fornecia o leite pra ele era boa! rsrs...

    Posso contar tb aqui que amamentei a filha da minha empregada. Meu filho tinha 1 aninho quando minha colaboradora do lar teve a Stephanie. A mãe adoeceu e precisou tomar antibióticos, então o leite diminuiu muito. Logo me ofereci para amamentar, a bebê era novinha ainda e, enquanto o Daniel estava na creche, a Stephanie fazia a farra, mamando o quanto quisesse... Depois de um mês a mãe voltou a amamentar normalmente e me agradece até hoje, porque a pequena não perdeu o jeito, voltou para o peito da mãe e tb mamou até os dois anos!

    Amamentar é a melhor sensação do mundo! Quem amamenta pode confirmar o que estou dizendo. Quando o 'leite desce' é um calor tão intenso! Somados a essa maravilhosa sensação, tem todo o amor e carinho do momento, o olhar da criança para a mãe, mãos que acariciam (da mamãe e do bebê)... Isso é único, é ímpar, é o máximo!

    Parabéns pela iniciativa, Giu!

    ResponderExcluir

Que prazer em ter você aqui! Entre e sinta-se à vontade.
Se gostou do post (ou não), deixe um comentário. Sua opinião é muito importante pra melhorar cada vez mais o blog. =)